segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

RESPOSTA A UM PSEUDO CIENTISTA DO ASTROPT



Um certo senhor ‘astrónomo’ do Blog Astro.pt, que desde há algum tempo tem vindo a rejeitar e ridicularizar minha crença na “Terra Oca”, chamando de burros todos os que partilham dessa tese, mereceu de minha parte uma última resposta que publico neste espaço para que outros leiam e entendam que há muito mais para saber e aprender sobre a realidade de nosso planeta do que aquilo que nos ensinam nas escolas.

O sr. pseudo ‘astrónomo’ de serviço do tal Blog chega mesmo a ofender quem o contrarie ou combata a sua ignorância, refugiando-se ele em teses de Issac Asimov (escritor russo de ficção cientifica) a quem dá mais crédito do que a Edmund Halley ou Issac Newton (pais da Ciência Moderna) que defenderam a tese da Terra Oca.

Também Leonhard Euler, matemático e físico suiço, mestre em Filosofia, famoso pelos seus trabalhos em mecânica, óptica e astronomia, defendeu a tese da Terra Oca com um ‘Sol Central’ tal como exemplificado na gravura abaixo.



Nicholas Kollerstrom, escritor inglês historiador da Ciência, notou que a primeira noção da Terra Oca surgiu no Philosophiae Naturalis Principia Mathematica de Newton, onde foi encontrada a tese de Edmund Halley de que “a estrutura interior da Terra é a de uma série de esferas ocas contidas sucessivamente uma dentro da outra”…

Esta teoria na época já consubstanciava algo que o próprio Newton dava crédito e nunca poderia ter produzido o Principia sem o encorajamento de Halley, pois a ideia de que o globo terrestre é oco é muito antiga e foi esse grande astrónomo do século XVII que a defendeu sem qualquer receio de ser ridicularizado na época pelos que, tal como hoje, têm muita relutância em aceitar a ideia de Halley pois a que vigora oficialmente é aquela da Terra ser constituida por Crosta, Manto e Núcleo, sendo este de magma donde provém a lava dos vulcões.

Porém, foi Richard Byrd, Vice-Almirante norte-americano que provou o contrário quando fez duas expedições aos Polos e adentrou a Terra em milhares de kilómetros através dos mesmos, tendo feito uma descoberta fantástica falando de um mundo estranho que nunca tinha visto, uma “Terra de Eterno Mistério” onde encontrou o “Centro do Grande Desconhecido”.

Muitos pseudo sábios da Ciência Moderna ainda não entenderam isso, rejeitando toda a história da experiência vivida por Byrd no interior da Terra, tendo anotado tudo no seu Diário. A NASA sabe a verdade mas seus cientistas estão impedidos de a revelarem ao Mundo, tal como fizeram com Richard Byrd que foi obrigado a manter-se em silêncio até quase ao fim de sua vida.

Portanto, Edmund Halley estaria pois familiarizado com todas estas ideias e também com as descrições da Terra Oca de Platão, Aristóteles, Lucrécio, Sêneca e Dante. O gênio de Halley, nós o reconhecemos hoje, mas no que toca à Terra Oca muitos são os que o acham tolo, tal como acham Newton que afinal também comungava das mesmas ideias.

Foi tudo isto que eu disse ao tal senhor ‘astrónomo’ de serviço do Blog Astro.pt que devia dominar sua soberba  e abrir a mente (preconceituosa) para o Conhecimento.

Rui Palmela

46 comentários:

Carlos Oliveira disse...

Os cientistas enganam-se. Foi o caso do Halley. Ele até dizia que as auroras vinham de lá. Como se sabe hoje, estava enganado.
É pena que a sua cegueira não o permita ver a luz.

É pena que o seu ego seja tão grande e a sua arrogância seja tal, que queira colocar as suas crenças pessoais acima da verdade e do conhecimento.

Já quanto ao Byrd, provou precisamente o CONTRÁRIO daquilo que o ignorante do Rui Palmela reivindica. Mas, como tem sido a sua constante, o Rui Palmela prefere as mentiras ao conhecimento. Os ignorantes são assim…

Claro que quem tem conhecimento, como eu, é chamado de arrogante por ter esse conhecimento… já o grande sábio é o Rui Palmela porque acredita nas maiores parvoíces que lê.

Eu realmente tenho uma mente preconceituosa para o conhecimento. Ponho o conhecimento acima de tudo. Já o Rui Palmela põe as suas crenças acima dos factos, e tem uma mente tão aberta que o seu cérebro já caiu…

Parabéns! LOL

Rui Palmela disse...

Não, caro sr. Oliveira, o que Edmund Halley dizia sobre as Auroras está correcto, não aquilo que se diz hoje sobre suas origens no Sol a 150 milhões de Km. Pelos vistos você também acredita que o Sol 'dançou' no dia 13 de Outubro de 1917 para 70.000 pessoas em Fátima que ficou sendo conhecido até hoje pelo "Milagre do Sol" que na verdade não foi mais do que a presença de uma nave (vulgo Ovni) Intra ou Extraterrestre que recebeu a missão de fazer uma "manobra de diversão" por causa da incredulidade de muita gente como você.

Quanto ao meu cérebro, posso garantir que ele continua funcionando no lugar, apesar de você pensar o contrário. Mas sua mente está muito confusa sim, caro senhor Oliveira, e a forma (incivilizada e deseducada) como você o demonstra é reveladora disso mesmo devido à sua incapacidade de empreender coisas que um dia terá de aceitar, independentemente ou não de acreditar.

Até lá, aconselho-o a dominar sua soberba e presunção de que sabe tudo e os outros não.

Rui Palmela

Anônimo disse...

Amigo e Irmão Rui Palmela.

Parece que o Sr. Carlos de Oliveira é uma "bêsta" que carece de conhecimentos ufológicos, astrológicos e nomeadamente históricos. As pesquisas de Byrd foram verdadeiras e tanto que o mesmo comandou uma expedição de Bombardeamento dos EUA na Antártica, posto que a a USS Marine tinha conhecimento de que expedições Nazistas estavam atuando naquela região oposta ao Ártico. há cêrca de uns dois meses lí uma notícia no "site" brasileiro "Inovação técnológica" que é afiliado e "vassalado" à NASA, os mais avançados satélites da NASA descobriram uma possível área verde sob as grossas camadas de gêlo. Outrossim, as inúmeras expedições à antartica e milhoões de dólares gastos, certamente não foi para criar pontos turíscos para os esquiadores esportistas, mas sim para desvendar mistérios há mais de 50 anos sabidos e constatados.
Há cêrca de 10 anos eu também não acreditava nes hitória de "Terra ôca", mas após inúmeras pesquisas em todos os campos da ciência e para-ciências e somado à história empírica, passei a acreditar nesta possibilidade. Evidentemente,a terra ôca, deve se constituir de "bolsões" intra-atmosférico onde vivem restos de uma civilização diluviana que nestas regiões se instalaram.
Como eu escreví no blog científico do "ceticismo aberto", como o Sr. Carlos pode ter certeza absoluta de que é folho de sua mãe e pai, sem um exame de D.N.A.? Portanto, burrice é ter uma mente científica com "tapa olhos" como de facto se usa nos animais burros e jumentos.
Ora, todas nossa bases subterrâneas que são dezenas são ficção? As Pseudos expedições marítimas em busca "de tesouros de navios" são ficção, para achar ouros de piratas, são ficção? Quem financia tudo isto? Algum milionário excêntrico?
Do mais, chamar o Rui de ignorante por ter pesquisado por mais de 30 anos a história, as artes, as religiões e a ciência é simplesmente ser um "asno sem pernas". Se o Sr. Carlos acha que os livros, muitos dos quais escritos por PHDs, são lixo então vamos queimá-los e também bombardear nossos satélites e o "Kleper". Daí voltaremos a nos digladiar com espadas de aço carbono e a usarmos ferraduras! rsrsrsr. São pessoas como o Sr. que atrasam a evolução humana e são "ipsis litiris" o que o rapaz acabou de escrever no blogue "Alvorecer".
E, num bom brasileirismo, digo: - "Largua mão de ser burro cara!"
Quem escreveu fui eu. Antonio Maria Claret Soares de MARIALVA. (descendente "bastardo" do sexto e último Marquês de Marialva, com D. Luisa da áustria!

Anônimo disse...

Cai neste blog por coincidência e logo encontro esta troca de galhardetes insultuosos .

Marquei o blog nos favoritos para voltar mais tarde, no entanto , quero dizer-vos que das informações que recolhi , sobre os ufo , nazi , antartida etc . parece-me haver algo muito escondido do publico em geral!

A experiência de Byrd foi real e veridica, assim como a vontade dos EUA de a esconderem!

Eu penso os testemunhos crediveis da presença de UFOs foram mortos enquanto os falso proliferam na internet para criar a desinformação !

E relativamente a estes estudos os cientistas do sistema são aqueles que mentem mais e recebem por isso! Portanto tenham muito cuidado com o que os credenciados cientistas vos contam !! Desinformação !

Agora, uma coisa eu sei, os ET´s vão ser usados para criarem uma ameaça global à humanidade e implementar o governo Global definitivamente !

ogman

vapera disse...

Ao senhor Carlos Oliveira:
Acredito que o senhor conhece as leis da termodinamica e acredito também que saiba sobre o calculo calorimétrico. dessa forma peço que o senhor faça o calculo de calor médio do planeta e veja sé é possível uma terra sólida composta por um núcleu de ferro niquel, pense que os elementos mais densos teriam que estar obrigatóriamente no núcleo do núcleo, e assim o resultado seria fissão total! A terra com seu núcleo pesado (uránio, plutônio e outros transurânicos) entraria em fissão! Ademais se colocares chumbo derretido em uma xicara com paredes grossas, mesmo assim não conseguiras tocar nessa xicara, e olha que o chumbo derrete a só 327 graus!!!
Acredioto que o senhor acredita em algo sem nunca ter pensado a respeito, pois de outra forma verias que nenhum dos modelos sugeridos pela ciência ortodoxa esplica a temperatura da crosta terrestre. Lembre-se que o ar é isolanmte termico, com gradiente de 2 graus a cada 1000 pés (300 metros), logo apesar das correntes convectivas a refrigeração da terra é impossível. A terra é muito mais fria do que se diz por aí.
E entendendo que todo material em ebulição gera bolhas de gases com diferentes pontos de fusão e evaporação, é lógico supor uma terra sólida.
Caro Carlos, nã me leve a mal, mas o academismo não é qualidade, é defeito, demonstra uma mente mansa, obediente, não indagadora, submissa e medíocre, e como média serve aos interesses do status quo.

Romão Casals disse...

Sr. Carlos Oliveira auto intitulado especialista em ciências de astronomia, nem tão pouco se digna a apresentar os comentários que lhe envio, limita-se a publicar as suas respostas demonstrando um discernimento repugnante, esta criatura jamais demonstrou capacidade argumentativa contrariando os raciocínios que desenvolvo, as desconsiderações proferidas a meu respeito não passam de simples devaneios egocêntricos.

A menos que se trate de um exclusivo estritamente pessoal, que não é o caso, o Astro.pt é um blog público e está aberto a comentários ao critério de todos os leitores que por lá passem ocasionalmente deixando a sua opinião mesmo que controversa.

Com a atitude de não publicar a totalidade dos textos que oportunamente envie para o dito local de conhecimento a que este cientista se refere, perfaz-se a inibição para a condição de um diálogo saudável sob o ponto de vista construtivo, esta desprezável decisão inviabiliza toda e qualquer razão à indignação do dito cientista.

Para uma real avaliação é suposto que a sabedoria tenha como base a essência de tudo o que nos é perceptível, todo o conhecimento deverá ser demonstrado não só de forma meramente escrita mas também decisivamente esclarecedora, todos os critérios que não respeitem a coerência e o bom senso deitam por terra o conceito de evolução.

Um argumento fundamentado tendo como principal fonte a ignorância, levanta dúvidas à finalidade pretendida, penso que tal susceptibilidade se deve a um complexo de inferioridade e completo desconhecimento nos princípios básicos da condição humana.

Na qualidade de educador científico, o astrofísico Carlos deveria informar possibilitando o debate sem que o insulto à inteligência seja feito de forma gratuita, como tal não restam dúvidas quanto há tua impertinencia e covardia, és um pobre de espírito que sofre de transtorno bipolar e subsequente falta de atenção.

vapera disse...

Caro Romão, acredito que o senhor Carlos Oliveira é um funcionário governamental e dessa forma ele TEM que desmentir os fatos, entretanto acho que isso pode ser eliminado apenas com argumentos da inconsistencia da terra sólida.
Ele poderia tentar responder a uma estúpida questão (tão estupida que eu quando entendi, me chamei de burro na forma de dizima periódica!!
A pergunta é simples, imaginemos uma bola de 1000 kilos e uma bola de 50 kilos, a de 1000 com temperatura de 1000 graus, e a de 50 com zero graus, dai colocamos essabola sobre a outra, note que não disse distribui-la sobre a outra, disse pousa-la sobre a outra. E essa de 50 kg é de sílica porosissima, ou seja isolante termico. Em quanto tempo a bola pequena vai equaizar a temperatura com a grande, e qual será essa temperatura? Como vemos, uma simples pergunta levaria o senhor Carlos para o "corner", pois a temperatura dessa bola seria próxima dos 1000 graus e ainda se eu colocar uns 100 litro dágua com zero graus (salgada pra não congelar) mesmo assim a bolona não perderá nem 50 graus!! Estou levando em conta a evaporação da água, levando o calor embora!
Caros, o senhor Carlos Oliveira não é burro, só não pode falar a verdade sob pena de perder seu emprego público, ou emprego bancado por poderosos que muito se beneficiam com a ignorância humana.
Ele não tem escolha!!!

Tóni disse...

Minha gente relaxem. Primeiro a inteligência não existe, pois nem tudo que parece é. Somos todos feitos da mesma matéria, ou seja pó das estrelas; homem, cão, gato, peixes... selvagens ou não, certo é que todos somos semelhantes. Acontece que todos temos aptidões, uns para umas coisas outros para outras.A diversidade torna-nos interessantes, mas ninguém é um ser único, todos repetimos as mesmas coisas, copiamos os mesmos erros.
Os cientistas por muito que estudem, não chegam a conclusão nenhuma; sabem porquê? Porque o ser humano surge no mundo já pré-definido. Senão vejamos,ainda hoje ninguém no mundo sabe,a origem da vida; pois todo o cosmos tem propriedades semelhantes.
Desenganem-se como eu ser mais ou menos inteligente; olhem bem para o exemplo de um polvo, ele se vir um da sua espécie a fazer uma habilidade, como tirar uma tampa de uma garrafa; este em apenas alguns segundos, faz a mesma coisa; agora digam lá se nós considerados o ser mais inteligente, conseguimos fazer algo que nunca o nosso cérebro, tivesse visto, ser capaz de resolver em segundos e, estamos fisicamente mais favorecidos.
O nosso cérebro só processa uma coisa de cada vez,não sejamos convencidos,ele é apenas um músculo que diariamente precisa de ser exercitado.
Caríssimos, dêem o vosso melhor ao longo da vossa existência, não critiquem ninguém, pois cada um de nós não sabe nada; mesmo aqueles que chegaram mais rápido a algum conhecimento, não estão nem perto de saberem quem são...
Respeitemos a nossa condição,pois nunca saberemos se a nossa realidade, é mesmo real.

Romão Casals disse...

A ciência é feita por instinto, tem-se rasgos de lógica, é esse o poder de um génio.

Quando se ouve alguém proferir uma opinião suportando-se pelo conhecimento científico académico, afirmando que determinado assunto ou teoria apresenta disparidade à irreversível contradição, é porque o sujeito se recusa obstinadamente a ver dificuldades, por conseguinte, está infinitamente distante do entendimento filosófico inspirado pela grandeza de ser parte de um criador.

Tal como Isac Newton, Albert Einstein sempre questionou a razão e o critério no pensamento de Deus, a procura da verdade absoluta e o entendimento do divino, sustenta-se na certeza que complementa o raciocínio, é de facto louvável existirem pessoas como o Rui que contribuem de forma enriquecedora para a mente que não desvanece.

A teoria da terra oca tem sido debatida nos meios científicos desde tempos remotos muito há semelhança das primeiras considerações teóricas que desvendam os segredos do universo, as questões inerentes ao assunto levantam perguntas perturbadoras, mas as evidências mostram-se consistentes com a teoria da inflação dos corpos celestes após a agregação de matéria.

Um tema interessante que na minha opinião deveria ser debatido à luz da sabedoria contemplando a intuição, não vejo incoerência ou fantasia no assunto, não é um conto sem nexo nem um tema estritamente sustentado na religião, muito pelo contrário.

Anônimo disse...

Amigo e irmão Rui Palmela.
Eu, Antonio Maria Claret Soares de Marialva, estou estupefato pelas sábias manifestações e dissertações dos irmãos Terrícolas (como dizem os Ets).
Cientistas, sensitivos e poetas se manifestaram de forma maravilhosa e absolutamente verdadeiras.
Subscrevo as palavras de todos à excepção do Carlos - não por seu entendimento - mas por trabalhar ou apoiar uma casta de cientistas mentirosos, nomeadamente dos EUA, que ao invés de divulgar conhecimentos, os escondem nos porões trevosos do Pentágono. Malditos "Illuminatis" que sob a égide do Pentagrama derramaram todo o sangue dos inocentes sobre a Santa Mãe Terra! Sei bem que ainda tentarão um último "golpe" de domínio absoluto, porém cavarão suas tumbas que enterrarão seus corpos e (pior)seus espíritos vampíricos por toda a eternidade!
Não há mais lugar de fuga, nem para as trevas inferiores ou exteriores. A mentira, a falsidade e ganância agoniza entre as dimensões do orbe terrestre!
Finalmente, nossos sábios cientistas (que se manifestam aquí, neste blogue), tiveram seu olhos e consciência abertos para a verdade do Planêta Terra.
Rui, nosso amigo e irmão. Aos quase 59 anos de idade (faz agora), este é teu presente de aniversário, ou seja, ver crescer a semente que plantas-te ao longo de tua vida!
Acho até mais belo este blogue do que o Alvorecer, posto que neste adentram criaturas humanas e extra-humanas a se digladiarem (como verdadeiros guerreiros) na busca da verdade, conhecimento e evolução humanas. Persinto e sinto que nas dissertações de nossos irmãos há um "Brilho Guerreiro" dos mais puros diamantes que das entranhas do Planêta nascem!
"Vidi esplenditi et cientia" (A vida e a verdade é o esplendor da ciência)!

Quanto ao Carlos, que vá à merda junto com os pseudos cientistas do "site Ceticismo Aberto", com a NASA, a ESA e todos os seus fracassos e mentiras. O projecto HAARP, foi um fracasso. O Acelerador de Partículas, idem! (impossível acelerar partículas atômicas ou controlar o tempo sob gravidade ou pressão gravitacional). O HAARP o máximo que conseguiu foi desligar instrumentos de navegação aérea de um avião da Gol brasileira matando 120 pessoas, isto porquê o near jet "bazucou" o mesmo. (Destarte, os dois malditos pilotos do near jet eram ex-pilotos dos ex-phantom f-5, da guerra do Golfo), tendo ambos sido "absolvidos" pela justiça brasileira e americana.(ridículo). Quanto ao Acelerador de partículas é mais um fracasso do "Vive le France". Tão ridículo quanto ao Charles Degaul, quando o "Fruller" marchou sobre Paris.
Do mais, deixo de continuar a contar a verdadeira história, para evitar o "contágio" destes "vampiros Illuminatis".
Grande abraço à todos e um novo e faliz "Alvorecer" !

vapera disse...

Acredito que a proposta da terra sólida, no modelo proposto é irracional. Parto da lógica que 99% da massa total terrestre está com mais de 500 graus e menos de 6000 mil, logo, como é possível uma película estar com zero graus? Uma casca de ovo quente é quente e não adianta colocar na água, vai demorar tempo necessário para que a temperatura do ovo total chegue ao "tocável".

Ana disse...

E digo mais: LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

Obrigada pelas gargalhadas de hoje, o que seria do mundo sem os cómicos de serviço...

Não volte à escolinha não, que não lhe faz falta nenhuminha...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL!

Rui Palmela disse...

Cara Ana,

Pensei duas vezes antes de aceitar teu 'comentário' de risada ou gargalhada chamando de cómicos aos que têm participado no debate aberto do meu artigo que pelos vistos é demasiado forte para tua cabecinha pequenina tão condicionada pela tua 'escolinha'.

Gostaria de saber pelo menos qual a tua ideia sobre o que sabes ou julgas saber a respeito de nosso Planeta que a Ciência pouco conhece ainda ou esconde da maioria das pessoas o 'segredo' de que a Terra é oca e não aquilo que nos ensinam nas escolas.

Já agora utilizando a tua expressão incial "e digo mais", te digo também que a lava dos vulcões não vem do 'núcleo' e sim de partes da crosta terreste onde se acumula por acção dos combustiveis fósseis e creio que a extracção desenfreada do petróleo das entranhas da Terra terá consequências desastrosas quanto ao seu equilibrio e movimento das placas tectónicas. Não acreditas nisto também?

Fica bem.

Anônimo disse...

O sujeito em questão não só ridiculariza a hipótese da Terra Oca como também a possibildade teórica de existir Nibiru/Hercolubus.

Ele se diz "cientista" mas é tendencioso, dogmático, conservador, negacionista e um mero empirista ingênuo (pessoa que acredita que a ciência sempre está com a verdade e nega a construção contínua do conhecimento)

Ele não permite que ninguém o interrogue de forma sistemática e organizada, selecionando os comentários e excluindo aqueles que o colocam em posição incômoda.

Anônimo disse...

Concordo com os amigos que aqui postaram sua opinião, em especial o que esta acima. Sou auto didata e vasculho, através dos poucos meios que nos disponibilizam,as verdades que tanto fazem questão de esconder sobre nosso universo e nosso proprio planeta .
Pode se notar que muito do que esta espalhado pela internet não passa de chamariz ou de distração, que muitos dos que se dizem cientistas são apenas peões de um jogo muito complexo onde a verdade vale muito e pode mudar o destino da humanidade.
Já entrei no blog do Sr Carlos, e lhes digo que esta criatura não tem a capacidade de manter uma discussão ou debate sem recorrer a baixaria, a insultos e falsas acusações. Não aceita ser questionado e como já foi dito posta o que mais lhe convem para não ser "prensado" e soltar a verdade caindo por terra suas maluquices. Ganhou meu total descredito agora que percebo que não se tratava de antipatia de minha parte mas sim da estupidez e grosseria pertencente a esta marionete.
Parabéns senhor Rui Palmeira, iniciarei minhas buscar pelo seu blog a partir de agora. Um abraço a todos que buscam a verdade, até a proxima.

Anônimo disse...

Primeira Parte

Eu percebi o nível de imbecilidade de Carlos Oliveira quando, em resposta a uma indagação que havia feito, ele afirmou, com uma certeza que ele mesmo afirma só pertencer aos "pseudos":

"Acreditar não têm nada a ver com conhecer".

Minha Resposta, totalmente censurada, foi mais ou menos o que escrevi abaixo:

“Concordo plenamente com o seu texto, exceto no tocante a você dizer que acreditar não é igual a conhecer. Achei uma imbecilidade contrária à essência da ciência. Ora, é verdade que a ciência se baseia em fatos e resultados concretos obtidos por meio da experimentação, mas o que leva um indivíduo a se dedicar a pesquisa e análise das coisas é a curiosidade oriunda de suas crenças. Logo, não é errado dizer que acreditar e conhecer caminham de mãos dadas. Todo conhecimento é fruto de pesquisas baseadas em crenças, que podem ser desmentidas ou confirmadas, e mesmo as que são desmentidas acabam por levar a novas formas de pensar, a novos conhecimentos.”

“Aquele que não acredita em nada nunca descobrirá algo inovador, pois não terá o quê pesquisar. Independente de quantos títulos e graduações ele possua, será sempre um medíocre que passará a vida ensinando o que outros descobriram. Viverá sempre à sombra dos cientistas de verdade, daqueles que "ACREDITARAM", "PESQUISARAM" e "DESCOBRIRAM". Santos Dumont acreditou que era possível voar e, em uma época em que os maiores gênios do mundo diziam ser impossível, ele voou. Quem eram esses gênios? Não sei, eles passaram; Santos Dumont ficou. A viagem espacial, seja ela realizada por meio de buracos de minhoca ou por naves que superarão milhares de vezes a velocidade da luz, enfim, um dia será possível, se não das formas que eu citei acima, de outras, porque, hoje, existem pessoas que já acreditam nisso e dedicam suas pesquisas a essa crença, de que viajar pelo espaço um dia será possível”

No fim conclui mais ou menos assim:

“Um cientista sem crenças é como um lobo sem faro. Mesmo que o lobo possua garras e presas afiadas, sem o faro, para auxiliá-lo na caçada, ele jamais apanhará sua presa. Pois bem, partindo desse mesmo princípio, mesmo que o cientista seja possuidor de vasto conhecimento, sem um sistema de crenças para guiar esse conhecimento e sem imaginação para exercitá-lo, e porque não dizer testá-lo, ele jamais será capaz de alcançar algo inovador, de descobrir ou inventar algo que contribua para o avanço de sua sociedade. Ele seria inepto demais para usar o conhecimento por conta própria, e no final esse conhecimento de nada lhe serviria, da mesma forma que garras e presas não servem a um lobo que não tem faro.”

"A imaginação é mais poderosa que o conhecimento." Albert Einstein

Anônimo disse...

Segunda Parte

Não sei se vocês perceberam, mas em nem um momento eu chamei o Sr. Carlos Oliveira de medíocre. Na verdade, eu sequer citei seu nome. Eu me referia aos medíocres em geral, mas o Sr Carlos Oliveira vestiu a carapuça e me acusou de ofendê-lo. Me acusou de fazer parte do blog Evoluindo Sempre, de estar em conluio com Laura Botelho e Rodrigo Morais, eu nem sei quem são essas pessoas. Pra quem gosta de chamar os outros de conspiracionistas, ele é que anda vendo conspiração em tudo.

Desde esse comentário que ele covardemente se recusa a debater comigo. Toda a vez que tenho que colocá-lo em seu devido lugar, sou obrigado a usar um pseudônimo diferente, mas toda a vez que o pego de jeito, que literalmente o seguro pelo chifre, ele se recusa a continuar discutindo. Foge de um bom debate como o diabo foge da cruz. Não admite, nunca, que poderia estar errado, mas também não apresenta os argumentos que respaldariam suas afirmações. Apenas ofende com grosserias de baixo nível os que pensam diferente do seu jeito de ver as coisas, classificando seu ponto de vista como único e verdadeiramente válido, contradizendo, dessa forma, um dos princípios fundamentais da ciência, que é negação da onisciência por parte do pesquisador.

“Só sei que nada sei”. Sócrates

Mas Sr Carlos Oliveira é incapaz de compreender algo tão básico. Não apenas ele, como também aquela trupe de puxa sacos que freqüentam o seu pseudo blog científico. Notem que 99% das postagens não passam de dois ou três comentários, muitas não tem sequer um comentário. Só as postagens que tem por objetivo atacar métodos alternativos de medicina, como a homeopatia, atacar a veracidade da existência da mediunidade em algumas pessoas, ou ridicularizar teorias não aceitas no meio acadêmico convencional, como a citada no post acima, ou mesmo ovinis, apresentam uma grande quantidade de comentários. Pergunta, porque é nessa hora que eles se espalham? Porque não comentam nos posts sobre astronomia e biologia? Porque não falam daquilo que sabem? Porque querem falar a respeito de mediunidade, por exemplo, se não tem conhecimento sobre o assunto? Querem aparecer? Se passar por inteligente falando, preconceituosamente, e pavorosamente, sobre assuntos dos quais desconhece? É triste.

Só posso concluir nisso tudo que Carlos Oliveira é um fanático que faz do seu modo de pensar uma religião. Provavelmente sofria bullyng na escola, devia ser muito sacaneado, e agora quer bater em todo mundo com o seu diploma, triste figura. Só não é mais triste do que as Oliveiretes que ficam babando o ovo dele. Desculpem o palavreado, mas essas são um pé no saco.

Raziel

Anônimo disse...

Este Carlos Oliveira tem a mania que só ele é sabe. Ele usa a velha maxima "se não estás comigo, estás contra mim", depois quando lhe faltam argumentos ele faz o mais facil, joga os comentarios no spam. mas só faz isso depois de esgotar a teoria da gravidade. É tipo, é pá não é bem assim, tens a teoria da gravidade e tal, ora atira-te dum edificio. Depois aparecem os seus seguidores pseudos intelectuais, a defender a teoria da gravidade, então aquela Diana Barbosa até parace que anda a ser montada por ele, poxa que a gaja é burra que nem uma porta. Enfim, aquele blog mais parace uma seita de maniacos.

Anônimo disse...

PARTE 1
Boa tarde, estava a ter uma conversa saudável com alguns membros desse blog "astropt" sobre a "panspermia do avesso" e à falta de argumentos por parte desse Sr. carlos oliveira resolveu colocar os meus comentários em spam. Além de que é um grande mentiroso, porque a seguir escreveu que eu iria difamar o seu blog.
Abaixo deixo o meu ultimo comentário que ele não postou:

Bem, nem sei por onde começar, vou começar por desejar bom dia a todos.

Bom dia,

Em primeiro lugar, vou voltar a repetir, não faço parte de nenhuma seita ou religião nem ando a pregar nada com intuito de conseguir seguidores ou outra coisa qualquer. Apenas tenho trocado ideias e opiniões com todos os intervenientes, isto claro de uma forma saudável (pelo menos para mim).

Sr.ª Diana, devo confessar que esperava bem mais da Sr.ª do que me achar ridículo.

A Sr.ª Diana fez um trabalho sobre o “olho humano” e embora eu não tivesse concordado com alguns aspectos não achei ridículo, respeitei esse seu trabalho e até dei valor ao mesmo.

Você fez ainda um trabalho bastante interessante sobre os lagartos Podarcis, ao qual eu poderia não ter gostado do mesmo mas não me dava o direito de achar ridículo que não foi o caso.

Isto para dizer que na sua afirmação aqui expressa num comentário que fez, “E o Darwin é o maior génio de todos os tempos! O Neil deGrasse Tyson acha que esse lugar cabe ao Newton, mas eu acho que é do Darwin.”, embora como eu haja muita gente que discorde desta sua afirmação, mas não nos dá o direito de a achar ridícula, temos sim o dever de respeitar a sua opinião e as suas convicções.

O mundo seria maçador se todos nós gostássemos somente de azul.

Sr. Carlos, em comentário algum você pode encontrar qualquer tipo de alusão a uma religião ou seita, encontra sim opiniões. Não estou com isto a dizer que concordo com tudo o que escrevi, apenas postei opiniões diferentes para que pudessem ser debatidas. E já lhe mostrei gratidão pela oportunidade de trocar conhecimento.

Também pode constatar que o Sr. não pode possuir uma bitola com duas medidas diferentes ao aceitar que alguém me tratasse por “Palhaço”, porque tenho certeza que se fosse eu a tratar dessa forma alguém o Sr. teria moderado o meu comentário. Mas, como acredito que o Sr. é uma pessoa com bom senso, tenho a certeza que essa situação lhe passou despercebida.

As pesquisas científicas só podem ser feitas graças à maneira como o mundo físico está organizado e porque energia e matéria se comportam de forma previsível e uniforme sob determinadas circunstâncias. Essa organização pode ser vista nas leis fundamentais da matemática, física, química e de outras áreas de estudo. Sem essa organização, as pesquisas científicas, a tecnologia e a própria vida simplesmente não existiriam.
Então, surgem-me as perguntas: Qual é a origem das leis físicas?

Anônimo disse...

PARTE 2

Sr. Cavalcanti e Sr. Manuel Martins,

É claro que os ateus têm seus contra-argumentos. Alguns rejeitam a aparente regulagem perfeita na natureza, dizendo: ‘É óbvio que o Universo visível é capaz de sustentar a vida humana. Se não fosse, não estaríamos aqui nos preocupando com isso. Então, realmente não há nada para explicar. Estamos aqui e pronto!’ Mas você acha que essa é uma explicação satisfatória para a nossa existência?
Outro argumento é que um dia ficará provado que apenas um conjunto possível de números pode funcionar nas equações que expressam as leis fundamentais da natureza. Ou seja, os botões mencionados na ilustração que apresentei de ser ajustados na posição correta para que o Universo pudesse existir. Alguns dizem: ‘É assim porque tinha de ser assim!’ Mesmo que esse raciocínio evasivo fosse verdadeiro, ainda assim não daria uma explicação definitiva para a nossa existência.
A fim de tentarem explicar o projeto e a regulagem perfeita evidentes no cosmo somente por processos naturais, ainda outros recorrem a uma teoria conhecida como multiverso, ou múltiplos universos. Segundo essa hipótese, nós talvez vivamos em apenas um de incontáveis universos — todos eles tendo condições diferentes, mas sem nenhum objetivo ou projeto. Então, de acordo com essa linha de raciocínio e as leis da probabilidade, se existissem muitos universos, por fim um deles deveria ter as condições exatas para sustentar a vida. No entanto, não há nenhuma prova científica para a teoria do multiverso. Ela não passa de mera especulação.
Depois de dizer que não acreditava nessa hipótese, Christian de Duve, bioquímico que ganhou um Prêmio Nobel, disse: “Em minha opinião, a vida e a mente humana são manifestações tão extraordinárias da matéria que devem ter um objetivo, não importa quantos universos incapazes de criá-las existam ou sejam possíveis. Diluir nosso Universo em trilhões de outros universos de forma alguma diminui a importância de suas características inigualáveis, que para mim revelam pistas de que ele foi projetado.”

Anônimo disse...

PARTE 3

Sr. Rui Costa,

Quanto a essa instituição já mencionei que também os achei muito maus, mas não pode deixar de reaparar numa frase citada por eles.

“Desde que foi demonstrado que todos os organismos vivos na Terra são geneticamente relacionados, é praticamente certo que todos os organismos vivos descendem de este primeiro organismo.”

As moléculas de DNA (ácido desoxirribonucléico) em cada célula viva contêm instruções elaboradas e detalhadas necessárias para o desenvolvimento correto dos organismos. Embora o DNA seja muito mais complexo, podemos compará-lo às informações digitais gravadas num DVD. Ao serem carregadas, as informações codificadas num DVD possibilitam assistir a um vídeo ou ouvir música. De maneira similar, as moléculas de DNA, cujo formato é parecido a uma escada de corda em espiral, contêm informações codificadas que servem de base para todas as formas de vida e asseguram a biodiversidade — assim, bananas são diferentes de feijões, zebras de formigas, humanos de baleias.
Dificilmente alguém diria que as informações digitais gravadas num DVD poderiam estar ali em resultado de eventos acidentais. Seria lógico então sugerir que o conjunto de informações extremamente complexas no DNA apareceu do nada?

E muito obrigada quanto à explicação da frase de C. Darwin, foi bastante claro.



Sr. Paulo, gostei da sua ironia, mas o Sr. pode ser adorador de Quetzalcoatl ou do quer que seja, porque vou continuar a respeita-lo.


Sr. Pedro Coutinho, o seu comentário diz bem o tipo de “gajo” que é. Continuo à espera de ver a sua ideia sobre a Panspermia, mas não me parece que o Sr. esteja interessado no assunto, visto que o seu comentário foi desinteressante e sem conteúdo.

Existem no blog cerca de 5 trabalhos realizados sobre a Panspermia e outros tantos indiretamente, e em nenhum deles vi um comentário seu sobre o assunto, isso demonstra bem o seu interesse.

Alguém que admiro escreveu:

A única coisa que interfere com meu aprendizado é a minha educação.
Educação é o que resta depois de ter esquecido tudo que se aprendeu na escola.

Cumprimentos a todos,

Obs. Os títulos não me são importantes, são sim uma forma de diferenciar quem trabalhou para os obter.

Alexandre Oliveira

Rui Palmela disse...

Tem toda a razão, caro Alexandre Oliveira, esse senhor Carlos Oliveira do Blog Astropt além de incorrecto para com as pessoas que discordam dele, tem atitudes anti-democráticas ao impedir que as pessoas tenham seu direito de resposta quando não tem mais capacidade de argumentação para debater um assunto que ele julga ser dono da verdade. É lamentável, de facto, esse senhor dá muito má imagem da Ciência de que tanto fala mas é um pseudo-cientista que chama aos outros de "pseudos" por saberem mais do que ele sobre matérias que desconhece e tem enorme preconceito em reconhecer isso, tal é sua soberba intelectual que cega muita gente hoje em dia.

Cordeais cumprimentos,

Rui Palmela

Anônimo disse...

Esse tal pseudocientista que se autointitula, fala como se alguma vez tivesse feito algo de útil para a sociedade. O gajo tem um blog, e a única coisa que faz é copiar o conhecimento dos outros. LOL grande trabalho que ele tem. è mesmo um enorme TROLL

Xevios

Ana disse...

Caro Rui Palmela. Lamento, mas não entro em debates de intelectos com quem está claramente desarmado. O senhor não sabe o que diz: facto. O senhor não está interessado em conhecer e saber o que diz: facto. O senhor prefere argumentar e defender coisas sem sentido nenhum: facto. O senhor acha que aqueles que passaram a vida inteira a estudar e lhe deram a ciência e a tecnologia de q usufrui hoje para espalhar mentiras e parvoíces, além de insultos sem nenhum conhecimento de cauda e além de enganar os crédulos (já para não falar de se enganar a si mesmo), é que estão errados. O senhor não é humilde nem quer conhecer os factos. Prefere manter-se agarrado a ignorância e conspirações.

Posto isto, acho que não há nada a debater, muito menos depois das coisas que foram ditas por pessoas que têm mais neurónios no mindinho do pé do que muita gente em todo o cérebro.

Passe bem.

Se mudar de ideias e quiser ser adulto, humilde e parar de fazer tratados de tretalogia e de fazer Einstein envergonhar-se dos seus irmãos supostamente sapiens...estarei ao seu dispôr. Agora, aquilo que tem debitado... lamento, o senhor não está interessado na realidade.

Cumprimentos. Não se esqueça de me insultar ainda mais. Especialmente pq não me conhece de lado nenhum. Mas se isso o faz sentir mais feliz, força. Pode ser ainda mais mal educado e tudo.

Frajuca disse...

Isaac Azimov disse qualquer coisa assim …tentar explicar para seres humanos pré-científicos que o vento e a chuva e o sol seguem as leis da natureza e o fazem tão cegamente e sem um guia, tem sido muito pouco convincente para eles, de facto até corremos o risco de ser “apedrejados” por eles.
Realmente, aceitar um livro como uma fonte literal (vá lá saber-se porquê) quando devia ser tido como metafórico, ter como verdades absolutas (que não existem) e renegar as provas cientificas (que as há, e muitas) quando nem eles próprios apresentam provas nenhumas daquilo que defende.
Considero deveras interessante o facto terem tantas certezas absolutas, quando a única certeza absoluta é a de que todos morreremos um dia,e não acreditarem nos factos científicos e a falta de argumentos válidos passarem ao insulto. No meu entender isto só quer dizer uma coisa, são burros por opção (não usam a massa cinzenta e usam as tais palas nos olhos), têm inveja de quem é capaz de a cabeça para mais alguma coisa alem de segurar as orelhas e resolvem as discussões (que deveriam servir para esclarecer) passando ao insulto.
Não há pachorra mesmo…

Anônimo disse...

Bem, aquilo do mesmo, continuam sem argumentos e ainda por cima dizem que lhes faltei ao respeito. Não se sabem ler português mas no meu cometário não faltei com o respeito a quem quer que seja. É que se lerem a conversa toda, eles não apresentaram provas de nada.
Obs. Eles são mal educados, porque podem constatar que quem falta ao respeito são eles e não eu.

É caso para dizer que quem é TROLL são eles.

Cumprimentos,

Alexandre Oliveira

Rui Palmela disse...

Cara Ana,

Não sei quem você nem por quem se faz passar para responder por alguém que nem dá o direito de resposta a quem ofende, como acontece com esse pseudo cientista do Blog Astropt e falo por experiência própria e pelos vistos não fui o único.

Aqui todos têm direito de exprimir suas ideias e pensamentos mesmo que não me sejam favoráveis, não espero que todo o mundo concorde comigo (nem Jesus Cristo teve esse privilégio sendo perfeito, quanto mais eu) mas vejo que vem aqui com “sete pedras na mão” para me atirar, ofendendo sem motivo, pois não a ofendi em lado nenhum. Certo?

Por isso é incorrecto de sua parte essa postura que a faz cair em contradição com suas próprias palavras que primeiro começa por dizer que não entra em debates de intelectos mas vai logo julgando mal minha pessoa, despejando uma série de questionamentos sobre assuntos que não conhece nem tem a mínima ideia do que se trata.

Não usarei o mesmo tipo da palavras ofensivas para argumentar consigo, pois não faz parte de minha índole ou formação pessoal que falta sim ao tal senhor pseudo cientista que do alto do seu intelecto ofende e bloqueia toda a gente que lhe faz frente quando não tem mais capacidade de resposta. Fica-lhe muito mal essa postura de pessoa supostamente culta que devia ser o primeiro a dar o bom exemplo do que diz ser, mas não faz jus ao que quer transparecer. Antes pelo contrário, a sua soberba intelectual não lhe confere a dignidade suficiente para merecer tal reconhecimento de minha parte e de outras pessoas certamente, que tal como eu passaram pela mesma experiência desagradável com esse senhor a quem falta educação.

Não lhe queira seguir os passos, cara Ana, e não se julgue também sapiente que não o é, tal como eu não sou e todos devemos ter a humildade suficente sim para conhecer isso. “Só sei que nada sei”, dizia o grande sábio grego que muito sabia mas perante o muito que teria de saber reconhecia que nada sabia.

Não considere que tudo o que escrevo seja palermices ou ‘parvoices’, como você diz, pois isso mostra sua própria ignorância sobre tais assuntos. Apenas transmito aos meus semelhantes coisas que muitos desconhecem e são livres de crer ou não crer no que escrevo, não tendo porém direito de me ofender quando não conseguem apreender, como vc faz.

Passe bem também.

Rui Palmela

Rui Palmela disse...

O comentário de Manuel Rosa Martins foi eliminado por conter ofensas pessoais a um “Anónimo” e adjectivos que aqui não são permitidos. Se quer argumentar alguma coisa faça-o de forma educada e civilizada, sem recorrer a termos que não são permitidos neste Blog.

Anônimo disse...

Boas, sou mais uma pessoa que por não concordar com as ideias desse senhor que se dá pelo nome de Carlos F. Oliveira, nem tive direito a ridiculariza-lo em frente à cambada dos seus seguidores.

Pelo que pude ler, nos comentários deu para perceber que a maioria dos que lá comentam, dizem sempre amém com medo de serem expulsos da seita deles.

Tem lá um que se diz crente em Deus, e em seguida vem dizer tudo e mais alguma coisa contra Deus, no mimimo vergonhosa a sua crença.

Depois, vem outra dizer que os amigos lagartos dela são mais perfeitos que o ser humano e que o humano é feito de remendos, ela com certeza se deveria estar a referir ao namorado que deve ser tão feioso ou mal jeitoso que realmente mais parece um remendo. E a fulana ainda se diz cientista....

Depois, aparece esse Rosas, que deve ser o mau da zona, que dá coças em toda gente e parte tudo. Ó rosas deixa aí a tua morada, ó mauzão. Quero ver se os tens no sitio. LOL

Melhor mesmo é esse tal Carlos Oliveira, que se diz professor, realmente o tempo que ele passa no blog deve ser só para ensinar seus seguidores, porque alunos numa faculdade, não estou a ver, ele não tem perfil para tal. é que esse Carlos não sabe mais, usa sempre os mesmos argumentos em todas as discussões, mais parece um disco riscado. Estava na hora de ampliares o teu conhecimento, e procurares novas respostas para o povo pá.

Enfim o nivel de trolice nesse blog é extenso.

caro Rui Palmela, essa que se faz passar por Ana, o nome dela é Diana Barbosa, se comparar as respostas dela aqui com as do blog desse Carlos vai constatar isso.

Cumprimentos,

Bruno

Anônimo disse...

LOL

Os gajos estão ruidos lá no blog de seguidores do Carlos, fartam-se de explanar os seus sentimentos frustrados para defender o seu mestre Carlos oliveira.

Parece que provaram do próprio veneno, esse rosas postou um comentário aqui que foi para spam, é para eles perceberem que é fácil ficar por cima quando se tem poderes de moderador. Assim é fácil parecer bom, escolhe-se as perguntas a que se quer responder e dá a sensação que se é bom. É um blog para quem gosta de usar palas.

Agora aparece um pseudojornaleiro que não conseguiu trabalho como jornalista e criou um blog para se tentar mostrar ao mundo, pena ou não é que quem visita o seu blog são sempre os mesmos. E o mais engraçado é que tem um blog desinteressante, com pseudoinformação e os pseudocientistas do Carlos como o jornaleiro diz amem com eles, eles relevam a sua pseudoinformação.
O mais engraçado é que ele chama de limitados aos outros e logo ele. LOL então o gajo farta-se de copiar informação de outros jornalistas e vem com essa moral. LOL

E mais, todos os trabalhos apresentados nesse blog do Carlos, são trabalhos de outros cientistas, ainda não vi numa invenção desse Carlos ou mesmo alguma descoberta. Essa é mesma a frustração desse Carlos, como não tem capacidade de ser cientista, critica quem o tem.

Ó Carlos faz-te à vida e trabalha, não te limites a existir na sombra de outros, eu sei que é fácil copiar trabalhos dos outros mas dessa forma nunca conseguiras ter mérito próprio. Um cientista é isso mesmo, trabalha não faz plagio.

Cavalcanti, mais uma vez tenha vergonha do que diz. Acredita em Deus? A credita em Deus, mas é a sua maneira e não de uma forma que Deus aprove. Você é o tipo de pessoa que joga pelas duas equipas, se não for aceite numa tem possibilidade de ser aceite noutra.

Cumprimentos,

Bruno

Anônimo disse...

Bruno

Bem fiz uma pesquisa sobre esse tal de carlos oliveira e ei o que descobri.

Ele faz-se mais do que realmente é, mas para sabermos isso nem era necessário pesquisar, bastava ver o blog dele para perceber que só apresenta trabalhos feitos por outros.

Ele não passava de um assistente de pesquisa (nem cientista é), que trabalhava lá como assistente porque estudava lá. Resumindo, nem professor sequer foi, não passava do que se costuma chamar do "chega-me isso". LOL

Digo isto porque como acabou os estudos, já vem de malas aviadas para o Porto, realmente o gajo é tão bom que nem foi convidado para continuar a trabalhar lá.

Deixa-la carlitos, continua a fazeres-te passar por quem não és, que os teus seguidores acreditam em ti.

Pelo vistos, vens para o Porto para te encostares à coitada da Diana que faz uma biscatadas aqui e ali.

Há, não te esqueças que quando chegares ao Porto tens que te inscrever no centro de emprego. LOL

realmente grande troll nos saiu este carlos oliveira.

Cumprimentos,

Bruno

Rui Palmela disse...

Caro Bruno,

Vamos evitar certos termos que baixam o nível da conversa para um sentido que não queremos aqui. Podemos dizer na mesma o que pensamos desse pseudo cientista que ofende quem o contraria lá no Blog dele, mas não façamos a mesma coisa para não nos igualarmos e mostremos que podemos debater assuntos polémicos sem nos indispormos uns com os outros e perder a razão que julgamos ter.

Ninguém é detentor do conhecimento absoluto e esse senhor Carlos Oliveira julga que é ... Paciência, um dia reconhecerá que não e reconhecerá certamente que foi incorrecto com os outros quando devia mostrar alguma abertura para assuntos que nunca ouviu falar, pois se isolou no seu pedestal intelectual rejeitando tudo o que acha fantasias e se comporta como um individuo sem cultura ou educação. Não o imitemos...

Anônimo disse...

Bruno

Caro Rui Palmela, desde já peço desculpas pelo meu exagero.

Concordo com sigo, afinal já basta um e ideia é não ser igual a Carlos Oliveira.

Mais uma vez peço desculpas a todos os intervenientes.

Grato pelo alerta,

Cumprimentos,

Bruno

Anônimo disse...

Concordo plenamente com vossas opiniões a respeito do pseudo-cientista Carlos Oliveira. O homem se acha o dono da verdade, sempre com o mesmo jargão: “eu não dou opiniões, dou conhecimento”, como se soubesse de tudo e ainda se atreve a acusar os outros de arrogância.

Estava a lhe falar sobre como podemos conhecer a essência de Deus conhecendo as leis universais, partido do princípio que toda a obra é um reflexo do seu criador, e de que somos plenamente responsáveis por nossas mazelas. Ele simplesmente censurou meu comentário sem nem uma explicação. Não havia ofensas, não havia insultos, somente havia respostas para suas afirmações ignorantes. Isso foi mais do que suficiente para que todo o comentário fosse censurado. Acho que não é assim que um cientista de verdade agiria, ele deveria ter me respondido ao invés de ter fugido covardemente.

Gostaria de aproveitar o espaço para publicar o comentário censurado, obrigada.

Primeira Parte

E para o Sr. Carlos, vou lhe dar a última chance de responder a um comentário que o Sr. censurou unicamente por covardia. Não há uma só ofensa dirigida ao senhor nesse comentário e o Sr. o retalhou em mais de 75%. A única razão de tê-lo feito se deve a sua incapacidade em respondê-lo. Pois eu vou lhe dar uma última chance de sentir bem consigo mesmo, publicando o comentário na íntegra e o respondendo como um homem, e não se esquivando como um covarde que foi.

“(porque afinal, nós somos feitos por Deus e somos parte da natureza)”

Mas diferente das forças da natureza e dos outros animais, temos consciência de nossos atos e por isso somos responsáveis por nossas ações. E o preço que pagamos pelo desequilíbrio que causamos são justamente as doenças que se alastram pelo mundo. Se o ser humano buscasse o equilíbrio com o ambiente, que é algo instintivo em todos os animais, não haveria tantas mazelas no mundo. Gostem vocês ou não, concordem ou não, nós somos os responsáveis pelo nosso sofrimento não Deus.

“Sugeria que a “lua” deixasse de ser tão arrogante ao ponto de achar que sabe da criação divina mais do que deus.”

Conhece-se o artista por suas obras. A ordenação das leis do universo evidencia claramente seu planejamento, tal como a justiça de Deus pode ser deduzida pela justiça de suas leis, onde nada se perde tudo se transforma. Se sua mente é inepta demais para perceber o óbvio, para confundir o que está nas fuças com arrogância, então só posso lamentar por você.

“É uma sugestão que lhe dou, para não ir passar a vida eterna a um sítio quentinho… se percebe o que lhe escrevo.”

Percebo totalmente o que escreveu. Na verdade sua opinião reflete a visão geral da humanidade o que explica sua atual condição, você que parece não ter percebido o que eu escrevi.

“O caos não é desequilibrado.”

E em qual parte do meu texto eu disse que era? Acho que você não está entendendo o que eu escrevo. Eu disse que o caos é um agente de renovação que complementa a ordem do universo, e que um não poderia existir sem o outro. Sugiro que troque a lente dos óculos. Seu problema é que, assim como faz com as leis da natureza, você analisa as palavras e/ou frases isoladamente no texto, ignorando o contexto geral. Só posso chegar a duas conclusões:

1 – Você tem uma dificuldade muito grande em ler um texto e filtrar a informação geral nele contida. Por isso analisa as palavras soltas.

2 – Você não quer entender o que está lendo quando percebe que o conteúdo contradiz seu modo de pensar. Passando a subverter o sentido do que leu.

Eu fico com a segunda opção. Você devia deixar explícitoque o Astro Pt se trata de um blog de mentalidade unilateralista e intolerante. De modo que qualquer pessoa que venha a manifestar um pensamento ou opinião contrária será sumariamente atacada.

Anônimo disse...

Segunda Parte

“Essa lei foi descoberta por
mentes humanas científicas.
Curiosamente você agora defendeu uma lei que é contrária à lei de Deus.”

Nem uma lei que rege o universo pode ser contrária a Deus. Pois ele é o criador de todas elas. Os cientistas não inventaram nada, apenas identificaram algo que sempre existiu desde o início dos tempos. Dizer que as leis universais foram obra de mentes humanas, é a afirmação mais arrogante que alguém, que com certeza conhece muito pouco do universo, poderia fazer.

“Se não há coisas más, não há desequlíbrios, e os Humanos afinal estão a fazer o bem por todo o planeta.

Essa afirmação mostra o conhecimento pífio que o Sr. tem do mundo em que vive. Basta ler o noticiário para ver o inferno que é viver nesse mundo. Fome, doenças, guerras e misérias, tudo gerado por nossas ações. Esse é o preço do DESEQUILÍBRIO HUMANO inerente ao seu LIVRE-ARBÍTRIO. Nós criamos o mundo infernal em que vivemos, não é absurdo e nem difícil de entender. Se diante do atual cenário mundial o Sr. continua a achar a ação humana benéfica e equilibrada, então sua noção de equilíbrio é que deixa a desejar. Veja que isso não nos torna perpetuamente maus. Nós agimos de forma desequilibrada e, ao mesmo tempo, pagamos por isso vivendo em um mundo repleto de mazelas. É justo tendo em vista que essas mazelas são unicamente conseqüências de nossas ações, não temos do que reclamar. Deus não passa a mão na cabeça de quem não merece.

“Você acha que deus é humano. Você é incapaz de perceber que um ser como Deus deveria ser incompreensivel para si, e não deveria vê-lo com características humanas.”

Deus é a inteligência suprema, a causa primária de todas as coisas. Sua perfeição e justiça são visíveis na perfeição e justiça de suas leis. Na ordenação e planejamento do universo está a assinatura do criador, que não poderia ser menor que sua criação. Esse é um pensamento respaldado pela lógica e pela razão que nada tem haver com arrogância ou fé. Arrogância está em se apoderar das leis divinas como sendo suas, achando que por tê-las observado elas deixam de pertencer a quem as criou. Triste...

“Como a Bíblia é a palavra de Deus, e como você disse em cima que não existem coisas más na natureza (e o Homem faz parte da natureza), então você acha que a Bíblia está correcta nisso e você considera o período da Inquisição e das Cruzadas em nome de Deus como correcta.”

Vamos analisar corretamente. Em primeiro lugar, a palavra de Deus são as leis da natureza. O que é observado na natureza e colocado em um livro, seja esse livro qual for, é a palavra de Deus. O resto é história. Em segundo lugar, a justiça divina é perfeita, nada acontece por acaso. O que você faz você paga, se não nessa vida em outra. As cruzadas e a inquisição, assim como a colonização espanhola, a marcha para o oeste nos Estados Unidos, as guerras napoleônicas, os campos de concentração nazistas, entre tantos outros momentos negros da história humana, não aconteceram por acaso. As pessoas que sofreram nesses eventos, não estavam lá por acaso, havia uma razão. Mas isso é bom, pois esse sofrimento faz com que o ser humano desperte e busque o equilíbrio para melhorar. O mundo em que vivemos é terrível, mas em alguns aspectos já foi muito pior. Quanto mais a humanidade se aproximar do equilíbrio, mais se libertará de suas mazelas. E isso só será possível por meio do sofrimento, pois é o sofrimento a alavanca que impulsiona a evolução das pessoas. Logo, o que você enxerga como mal é na verdade um remédio amargo que a criança imatura não entende por que deve tomá-lo. Sinto decepcioná-lo, mas as contradições que você vê em minhas afirmações são na verdade fruto da sua ignorância sobre incontáveis assuntos.

Anônimo disse...

Terceira Parte

“Qual justiça divina? Mas você é tão arrogante que acha que tem capacidade para perceber a mente de um ser que criou o Universo???
A sua arrogancia não tem limites?”

Acredito já ter respondido acima. A justiça de Deus está na justiça das suas leis. Se ele não fosse justo e equilibrado, sua criação não o seria. O homem é desequilibrado por que tem o livre-arbítrio que lhe permite optar pelo desequilíbrio. Ele o faz e paga por isso.

“Nisto está correcta. Mas isto é conhecimento científico. NADA tem a ver com Deus.”

Todo conhecimento científico tem haver com Deus. Ele é a fonte de tudo. Sua ignorância em enxergar algo tão óbvio é digna de pena.

“Ou Deus sabe tudo sobre o Universo ou então não sabe tudo (não sabe sobre o que os Humanos vão fazer).”

O fato de Deus ter dado aos humanos o livre-arbítrio não significa que ele não saiba o que os mesmos vão fazer, ele apenas, por vontade própria, decidiu não intervir em suas escolhas. Mas ele continua onisciente, ou seja, sabendo de tudo. Essa foi a pior argumentação que você deu até agora. Mostra o quanto o seu conhecimento sobre Deus, a luz do conhecimento espírita, é pobre e deficiente. As contradições que você identifica vêm da sua própria ignorância, ao querer entender Deus, um ser imaterial, a partir de princípios materiais, pobre criatura.

“Neste caso, você é a favor disto tudo, porque mais depressa vai então para o lado de Deus. E sem castigo eterno, irá para o Céu.
Enfim, “lua”, você acabou de promover a ideia que as pessoas se devem matar todas mais depressa tomando todos esses comportamentos…”

Somente pessoas desprovidas do menor senso de justiça. Deus em sua infinita justiça jamais poderia recompensar alguém por um ato de covardia ou descontrole. Aqueles que se matam ou se deixam consumir por seus vícios são pessoas em estado de perturbação, cuja evolução espiritual necessitará ainda de muitas encarnações. Desculpe mas isso pra mim é tão claro que sua ignorância sobre esse assunto me assombra. É daí que você tira tantas contradições Sr. Carlos, da sua própria ignorância.

Vou orar por você, tenha uma boa noite.

Anônimo disse...

Conclusão

Gostaria de me desculpar com o Sr Oliveira e com a Sra. Diana. Infelizmente eu cometi o erro de achar que as pessoas desse blog tinham condições intelectuais de manter um diálogo inteligente e saudável sobre Deus e sua justiça divina, comprovadamente evidenciada pela justiça de suas leis. Mas parece que eu me enganei. A incapacidade das pessoas desse blog em manter um diálogo inteligente e saudável é assombrosa. Eu quero me desculpar, pois a partir do momento que eu me propus a dividir um conhecimento tão elevado com mentes tão despreparadas para recebê-lo, a ignorante acabou sendo quem vos escreve. Foi minha culpa tentar atirar pérolas aos porcos, foi minha culpa. Desculpe vocês venceram a discussão. Eu que não deveria tentar discutir assuntos tão avançados com indivíduos de mentalidade fechada, formatada, mansa e ignorante. O erro foi meu me desculpem e fiquem com Deus.

Anônimo disse...

Perdão, esqueci de assinar os comentários anteriores.

Lua

Anônimo disse...

Vai aqui uma mensagem que eu deveria postar no Astro PT mas não pude fazê-lo por ter sido bloqueado:

"Quando não adotamos uma linguagem neutra, nos desviamos da proposta científica, que consiste, a todo custo, em não sermos tendenciosos.

Como VOCÊS são os que sabem sobre o assunto, e não os conspiracionistas, deveriam mostrar superioridade a eles. O fato dos conspiracionistas não usarem linguagem neutra não serve como justificativa para que vocês façam o mesmo. A linguagem de vocês é debochada, recheada com falácias ad hominen e alusões depreciativas a terceiros.

Outras desonestidades marcantes, que tenho presenciado neste blog [do Astro PT], é o fato de certos posts serem apagados, censurados e também a recusa dos seus colaboradores discutirem abertamente fora deste ambiente, em ambientes ideologicamente neutros e nos quais nem os céticos e nem os conspiracionistas pudessem ter o controle do que é postado. Discutir dentro próprio covil, junto com amiguinhos e tendo na mão o controle do que pode ser apagado é muito fácil. Difícil é discutir honestamente em um ambiente neutro, coisa que nem vocês e nem os seus inimigos fazem. Ambas as partes, conspiracionistas e céticos, em muitos casos, são desonestas e se recusam a um diálogo limpo. Quando é assim, ambos não passam de eristas e sofistas.

Quando censuramos pontos de vista, nos tornamos guardiães do conservadorismo. Não podemos fazer, hoje, o que a igreja dogmática fez no passado. Temos que mostrar abertura real, liberdade de pensamento autêntica, e isso implica em pensar livremente, sem amarras, e a considerar seriamente todas as questões e objeções levantadas, sem o uso de terminologias subjetivantes e depreciativas."

Anônimo disse...

Carlos Oliveira e seus amiguinhos do Astro PT são incapazes de se expor em um ambiente ideologicamente neutro. Eles DETESTAM inquirições sistemáticas e organizadas. Os desafiei várias vezes para um diálogo honesto e aberto e eles simplesmente apagaram meus posts. Tentei interrogá-los imparcialmente sobre a teoria do Sol Frio, da Terra Oca, sobre a possibilidade teórica de Nibiru/Hercolubus e o único retorno que tive foram deboches e alusões pejorativas. Eles se dizem cientistas mas são incapazes de utilizar uma terminologia neutra, negam dogmaticamente possibilidades teóricas que os desagradam sem dar muitas explicações dos motivos e jamais escrevem um só artigo que seja isento de elementos subjetivantes. Ao compromisso ideológico com o materialismo eles chamam "ciência".

Anônimo disse...

Hahahahahahahaha!!!!!!!

Peraí, deixa eu respirar aqui.... uff! Hahahahahahahahahaha! Terra Oca?????

Oca é a tua cabeça, seu asno!

Hahahahahahahahahahahahahahahaha!!!!!

Rui M. Palmela disse...

O último a rir é quem ri melhor, seu burro ignorante que precisa ler para aprender e se informar.

Mike Luis disse...

Outrora eu fui um dos desses Ofendidos por esse senhor Carlos esse astrônomo licenciado doutorado e mal humorado que se exibe como típico português que teve a sorte de lhe pagarem um curso e umas viagens por não passar de mais um aristocrata massonico da sociedade hipócrita portuguesa que esconde segredos e se juntou a todos os aliados por medo de assumir e DIZER...eu sou assim... Então depois estes "senhores doutores" que tem sempre mais alguns que lhes andam sempre a cheirar o cu porque não tem mais nada senão ter o amigo ( apesar de não gostarem dele) que è o fulano tal que por causa da cunha X ou Y teve na universidade Texana e hoje è um grande xenhor...
Que deveria ganhar o
Prêmio Nobel da arrogância, há uma coisa que eu não entendo nessa mesma figura que PELOS VISTOS NÃO SOU O ÚNICO A desprezar tal figurinha ....esta vedeta que ofende o simples agricultor que todos dias no seu descampado olha a via láctea e secretamente estuda o universo nos seus livros comprados em segunda mão, este que viu na apanha das batatas luzes misteriosas que não consegue explicar, que chegou a ver objectos em forma de disco metálico que hoje o fascinam, figurinha que acha só e apenas os cientistas que vem o mesmo universo através de livros e que nunca viram mais nada na vida a não ser o cartão de crédito que os papas lhes ofereceram para concluir o curso e andar na faculdade a tocar cavaquinho vestidos de preto até aos 40 ... Eu INTERROGO-me se criticam tanto os amadores não licenciados os agricultores e carpinteiros e outros que estudam o fenômeno UFO ...então para que tiraram o curso e licenciaturas e diplomas relacionados com ficção científica astronomia e etc... Que è a paixão de alguém que quer acreditar, saber mais, procurar mais? Porque esse curso?
Porque não ficou a figurinha com a gestão de firmas ( do papá) ?
e ainda porque a foto com um ET por trás ...
o ridículo caí no ridículo ????
Pode ofender a vontade...

Mike Luis disse...

E se estes na verdade forem aquilo que è o mais provável? Os Illuminati's desta geração?
Já pensaste...porque tiraram estes cursos e doutoramentos seNem hipótese dão

Anônimo disse...

Raul Bianchi disse:
O Carlos F. Oliveira costuma criar historias de ficção, razoavelmente medianas, + pior que as historias, são aqueles oculos verdes, estilo 'Pega-Rapaz' ou pega-gajo, que ele usa como foto de Avatar, é um fanfarrão mesmo, hahahaha

yasmin_vargas2011 disse...

Carlos f Oliveira, vc é um comediante, e esses oculos verdes, estilo Pega-Rapaz que vc usa?? kkkkkk

Related Posts with Thumbnails