quarta-feira, 23 de maio de 2012

O PAPA JOÃO XXIII E O EXTRATERRESTE




Uma das revelações mais espetaculares já divulgadas sobre o Vaticano narra o episódio relatado pelo assistente do Papa João XXIII que em declarações à imprensa em 2005 disse que o evento mais estranho envolvendo o Sumo Pontífice foi um encontro entre sua santidade e um homem de outro planeta, um extraterrestre.
 
Segundo o secretário papal, Loris Capolvilla (um dos mais velhos bispos católicos em 2012), o Papa João XXIII teria tido um contato cordial com um alienígena nos jardins da pontifícia residência de verão, em Castel Gandolfo.
 
O incidente aconteceu em Julho de 1961 quando João XXIII, também chamado o Papa Bom passeava em companhia de Capolvilla. Depois de caminhar ali uns poucos minutos, ambos observaram no céu um estranho objeto oval que emanava uma luz brilhante de coloração azul e âmbar. A nave manteve-se no ar por alguns momentos antes de pousar no relvado.
 
Então, um ser com forma humana cercado por uma aura dourada e orelhas alongadas saiu da espaçonave. O Papa e seu secretário ajoelharam-se, mesmo sem saber exatamente o que estavam vendo - e começaram a rezar acreditando que tratava-se de um fenômeno ou milagre celestial.
 
Passados alguns instantes, o Papa decidiu aproximar-se da criatura e começou a conversar com o estranho. Esta conversa durou cerca de 20 minutos. Depois da confabulação, o Papa voltou a reunir-se com o secretário e confidenciou-lhe a seguinte mensagem:
 
Os filhos de Deus estão por toda parte embora, às vezes, tenhamos dificuldade em reconhecer nossos próprios irmãos.
 
Depois, declarou que não falaria mais sobre o assunto e jamais João XXIII revelou, nem mesmo aos seus mais fiéis colaboradores o inusitado acontecimento.



 
Recentemente, autoridades do Vaticano comentaram a existência de vida alienigena ou inteligente extraterrestre, facto que antes seria impensável falar sobre um assunto  que  levaria à excomungação e causaria grande polêmica entre os fiéis e os mais religiosos da Igreja Católica que neste sentido parece ter evoluido e se adaptado à realidade dos tempos que vivemos. Isso deve-se talvez em grande parte ao próprio diretor do Centro de Observações Astronômicas do Vaticano, José Gabriel Funes, que terá dado o seu melhor contributo nesse sentido. Numa entrevista concedida ao jornal oficial da Santa Sé, L'Osservatore Romano, ele disse mesmo que não somente existe vida inteligente extraterrestre mas que ela seria obra de Deus tal como toda a que existe aqui na Terra .
 
 
JOÃO XXIII, O PAPA OCULTISTA
 
João XXIII é um personagem misterioso. Consta que foi um dos poucos membros da Cúpula Vaticana do século XX formalmente iniciado nos mistérios da Tradição esotérica. Como Papa, revelou até onde lhe foi permitido, informações sobre o Terceiro Segredo de Fátima, profetizando acontecimentos futuros de natureza política e cósmica. Predisse a morte do presidente J.F. Kennedy.
 
O escritor italiano Pier Carpi (1940-2000), que escreveu sobre os segredos do Conde Cagliostro também ocupou-se da biografia não oficial desse Papa profeta. Carpi teria tido acesso a esses dados através de uma fonte misteriosa, não-revelada, descrito por Carpi apenas como ...um velho de longas barbas. O misterioso Eugenio Siracusa (1919-2006 - místico italiano, supostamente contactado por extraterrestres desde a infância), também seria responsável pela guarda de certos documentos que teria compartilhado com Carpi.
 
PROFECIAS DE UM PAPA
 
João XXIII teria deixado, na ordem esotérica à qual pertencia, textos contendo uma série de profecias. Algumas foram divulgadas por Pier Carpi, outras, permanecem em segredo. 

Sobre os mistérios da Humanidade e os Extraterrestres, o Papa teria dito: "rolos serão encontrados nos Açores. Falarão sobre civilizações antigas e ensinarão aos homens sobre coisas há muito passadas. Os rolos falarão sobre coisas do céu. Os sinais serão cada vez mais numerosos. As luzes do céu são vermelhas, verdes e azuis. São velozes. Alguém vem de longe e quer conhecer os homens da Terra. Reuniões já estão acontecendo. Mas quem viu realmente permanecerá em silêncio"....  Na verdade já está acontecendo!
 
 
FONTES
Juan XXIII y los ET: El Concilio extraterrestre.
URGENTE 24/AREA X, publicado em 13/05/2012.
DEL POZO, Victorino. IN Siragusa, el Anunciador, capítulo 15. 
Kennedy visitado por un extraterrestre y Juan XXIII consolado antes de morir.
EDICOLAWEB, (sem data. Livro online, Acessado em 22/05/2012).
Eugenio Siragusa.
WIKIPEDIA, english. Acessado em 22/05/2012.
 

19 comentários:

Romão Casals disse...

Falsas acusações e teorias da conspiração, típico de grupos normalmente marginalizados pela falta de credibilidade e carácter irreverente.

As fontes esquecem de mencionar que o “tal” assistente acompanhante de João XXIII, era um assíduo espectador da famosa serie STAR TREK, e que estava com uma grandessíssima carraspana no dia em que a borracheira o fez tombar no chão.

Foi então que (a muito custo) o Santo Padre ajudou o desafortunado homem a levantar-se, uma operação que durou aproximadamente 20 minutos.

Consta que João XXIII, indignado, lhe sussurrou as seguintes palavras:

“Os alcoólicos também são filhos de Deus, embora por vezes tenhamos dificuldade em reconhecer nossos próprios vícios”.

Também prometeu que jamais iria revelar este episódio tão pouco dignificante. Nem mesmo aos seus fieis companheiros da sueca.

O facto é que, desde então, o bispo Loris Capovilla, afirma peremptoriamente ter contactos privilegiados com habitantes do Planeta Vulcano. Como não podia deixar de ser, o assunto tem gerado alguma controvérsia entre os formadores de astrofísica no interior da universidade Católica.

Recentemente, personalidades de autoridade duvidosa, comentaram a possibilidade de vida inteligente em outros planetas, facto que não gera polémica entre católicos. Uma dessas lunáticas ideias foi proveniente do Padre e astrónomo José Gabriel Funes (outro grande bêbado) que em declarações a um jornal, disse:

Estou convicto que Deus pode ter criado seres inteligentes em outros planetas da mesma forma que criou o universo e os homens. (deduções de um burro)

É curioso constatar que um dos adeptos do antro de tresloucados esotéricos, o escritor italiano Pier Carpi, também guardou em segredo uma espantosa revelação que supostamente teria sido profetizada pelo Santo Padre.

No seu diário consta que João XXIII predisse a morte de J.F.Kennedy dois dias apos o trágico falecimento do presidente.

Trata-se da algo formidável nunca pensado por alguém com a mente sã.

Sobre os mistérios da humanidade e extra terrestres o Santo Padre teria dito:

Rolos de papel eginético terão que ser comprados em grande quantidade, pois em virtude de uma enorme desgraça muito excremento sairá da cabeça de homens que nasceram com o intestino grosso ligado ao cérebro, Estes falam de civilizações antigas, luzes no céu e sinais de Deus, mas nada entendem e tudo deturpam. Alguém vem de longe para conhecer esta gente, reuniões já estão acontecendo, mas como não se aprende nada com estes bandalhos mais vale permanecer em silêncio.

www.Inquisidor-mor.pt

Rui Palmela disse...

Caro Romão,

Seguramente quem deturpa essa história de forma intencional com o propósito de denegrir, desacreditar e até ridicularizar quem os que nela acreditam como eu, só pode estar imbuido de um espírito malévolo e maledicente, chamando de bêbados e loucos a toda a gente.

Agora nem os altos dignitários da Igreja Católica merecem teu crédito nem escapam ao teu julgamento de “Inquisidor-Mor” que se pudesse levaria à fogueira todos os que ousam divergir das teses religiosas sustentadas nos dogmas que ainda persistem e alimentam muitos ‘cristãos’ que têm dificuldade de pensar e aceitar histórias que rejeitam duma forma insensata e pouco inteligente como a que se revela no último parágrafo do teu comentário onde dizes que supostamente o Papa João XXIII teria dito:

...“Rolos de papel higiénico terão que ser comprados em grande quantidade, pois em virtude de uma enorme desgraça muito excremento sairá da cabeça de homens que nasceram com o intestino grosso ligado ao cérebro, Estes falam de civilizações antigas, luzes no céu e sinais de Deus, mas nada entendem e tudo deturpam. Alguém vem de longe para conhecer esta gente, reuniões já estão acontecendo, mas como não se aprende nada com estes bandalhos mais vale permanecer em silêncio”...

Não creio que um Sumo Pontífice tenha dito algo assim, pois jamais se exprimiria desse modo com uma linguagem tão vulgar de baixo nivel que nem eu utilizo aqui como um comum ‘pecador’ que não chama de “bandalhos” a ninguém nem considera que os cristãos têm excrementos na cabeça apesar de nossas discussões dialéticas e divergências um com o outro.

Confesso que me surpreende até o facto de acreditares nesse tipo de linguagem supostamente utilizada por um Papa bem conhecido pela sua postura e dignidade de carácter que infelizmente falta hoje a tantos membros da Igreja.

Acho que nem vale a pena comentar o resto de teu post que me parece mais o último grito de desespero de quem não consegue mais sustentar uma discussão enriquecedora e sim arruinadora de qualquer bom diálogo a respeito deste tipo de assuntos.

Um abraço, meu irmão, pois assim te considero apesar de tudo.

Rui Palmela

Romão Casals disse...

Amigo Rui,

Também eu te considero meu irmão, mas não te podes esquecer que agora desempenho um papel importante e de honrosa reputação.

A função de inquisidor na Santa Igreja Católica é uma tarefa muito trabalhosa chegando por vezes a ser ingrata, recebo à comissão e não faço descontos para a segurança social, estas coisas dão muito trabalho e nem sempre sou remunerado de acordo com a quantidade de degenerados que diariamente me acolhem em seus lares.

As tuas acusações são justamente o motivo do meu orgulho, não é pelo fogo que se salvam os hereges que ousam desafiar os dogmas em que acredito, posso dizer-te que esse método revelou-se ineficaz, foi tempo desperdiçado no árduo trabalho para juntar troncos e caruma na tentativa de obter uma linda e purificadora fogueira. É na minha generosa intervenção que se encontra a salvação.

A praga dos insanos malfeitores é persistente como uma infecção contagiosa, é necessário uma nova ordem revolucionária que estimule a caridade obscurecida na mente escravizada pela perdição do pecado. Nos tempos modernos os novos métodos de expurgação conferem outra dignidade aos que (pela minha graça) desejam uma oportunidade para purificar a barbaridade impregnada na alma.

O empalamento é desagradável e não muito bonito de se ver, tomei a liberdade de impor um processo mais atractivo para a redenção dos suspeitos de prática de outras religiões. A mesa de evisceração oferece um espectáculo inigualável em prestígio da santa inquisição, sou um conservador e pretendo trazer de volta tradições culturais a um mundo obsoleto onde o sarcasmo enaltece a submissão.

Considera-se no artigo exposto a fraude caluniosa movida contra o Santo Padre, é uma história sem pés nem cabeça, não tem ponta por onde se lhe pegue e merece um castigo severo, mas para ti abro uma excepção, posso inclusive dar-te a escolher na vasta lista de torturas, ou então, caso prefiras, posso orientar-te no caminho da boa conduta.

Um esmagador abraço.

PS. Podias ter sido meu amigo e corrigias a calinada, era escusado eu ter que passar por esta vergonha. Valha-me Deus.

Papel eginético… O que é isto?

Foi depois do almoço que redigi o texto, deve ter sido efeito do maduro tinto.

www.Inquisidor-mor.pt

Rui Palmela disse...

Caro Amigo, não te sabia nessa nova função de “Inquisidor” da Igreja Católica que nada tem de ‘Santa’, como santos não são os que a dirigem nem os que a integram, sendo pecadores tanto ou mais que os hereges que referes, sendo facto que muitos padres, bispos e cardeais não alcançarão o céu nos próximos séculos pelos seus inúmeros pecados, principalmente os pedófilos.

Todos terão de “nascer de novo” muitas vezes até que suas almas sejam limpas e purificadas pelo sofrimento e só então ascenderão ao “Reino dos céus”.

Posto isto, e voltando ao assunto principal de nossa discussão, vejo que insistes em desacreditar uma história que dizes não ter pés nem cabeça (para ti claro), mas para mim é fácil de entender à luz do que conheço e experiências que tenho e te faltam para ter destas coisas uma verdadeira compreensão.

Por isso não considero como tu o artigo uma “fraude caluniosa movida contra o Santo Padre”, cuja revelação foi feita pelo próprio Vaticano, e sim algo que merece ser avaliado à semelhança de tantos outros casos que já sucederam com várias pessoas neste planeta. Direi mesmo que já sucedeu algo do género com um grande teósofo (Henrique José de Sousa) presenciado por várias testemunhas num caso que foi muito falado na altura na imprensa brasileira.

Deverias pesquisar e conhecer coisas que desconheces, caro Romão, para te consciencializares de que NÃO ESTAMOS SÓS NO UNIVERSO e a presença de Extraterrestes tem sido uma constante ao longo da história da Humanidade, referidos nos próprios textos sagrados das mais antigas religiões do Mundo, além da Biblia de que retiraram o Livro de Enoch que até indicava nomes desses ‘Anjos’ de carne e osso descidos dos céus que mantiveram relações com as filhas dos homens por serem formosas e lhes suscitaram filhos, tal como ainda se pode ler em Génesis 6: 2,3,4

É claro que isto para ti pode ser muita informação que teus neurónios não comportam nem o de muita gente religiosa com uma mente limitada aos dogmas da Igreja que dificultam a compreensão destas coisas mas que finalmente começam a surgir algumas histórias a público como essa do Papa João XXIII e o Extraterreste, bem como as declarações do padre jesuita Gabriel Funes do Observatório Astronómico Specola Vaticana e o reconhecimento oficial de Roma sobre a existência de vida alienígena inteligente além da nossa que está gerando alguma controvérsia dentro da própria Igreja Católica pois parece que grande parte dos cristãos (nos quais te integras) ainda não estão preparados para um certo tipo de “revelações bombásticas”.

Mas as vida no Cosmos não se limita às tuas crenças e rejeições, caro irmão, pelo que terás um dia que te render à evidência dos factos como naquela frase bíblica que diz que nesses dias muitos se maravilharão e outros pasmarão...

Um forte abraço e

Pausa para reflexão

Rui Palmela

Anônimo disse...

Ao Romão Casals.

Já que tens tempo para perder a escrever mensagens desse teor que acabaste de debitar, toma este conselho amigo como um aviso e faz o seguinte:

Como te auto-intitulas Inquisido-Mor, vai ao sitio da Torre do Tombo e procura na secção "Inquisição de Lisboa Online". Lá podes consultar os processos: vê porque razões muitas pessoas perderam a vida, e vê as justificações que acorriam a tais condenações.

Depois, dizer-me se ainda queres ser tratado por 'Inquisidor-Mor'...

A propósito, se achas este blogue tão patético, que fazes aqui, ó inteligência perversa, será que te esqueceste onde fica o teu lugar?!

Cumprimentos,
Ana Ferreira

Rui Palmela disse...

Grato pela tua defesa deste Blog, amiga Ana Ferrreira. Creio que o Romão Casals gosta dele apesar de tudo e se auto intitula de "Inquisidor-Mor" porque fui eu mesmo que o classifiquei assim por causa da sua forma ortodoxa de pensar como 'fiel'da Igreja Católica em pleno século XXI. Nem os altos dignitários mais antigos do Vaticano pensam como ele e já admitem coisas que o Romão como 'cristão' tem ainda muita dificuldade de perceber em relação a esta questão dos ETs e dos Mundos Habitados além do nosso que Orígenes de Alexandria (o Pai da Igreja) já sabia e defendia na sua época.

Penso que ele me questiona nestas coisas porque quer saber mais do que julga saber, mas revela alguns tiques de Inquisidor de bíblia na mão como o fazia noutros tempos, certamente, numa anterior encarnação.

Deixa lá, eu chego para ele, hehehe!

Um beijo e abraço do coração!

Rui

Romão Casals disse...

Amigo Rui,

Confirmo a existência de uma lista negra metodicamente elaborada para sublimar toda a tentativa de blasfémia dirigida aos que, tal como eu, salvaguardam a Santa Igreja Católica das inadvertidas injúrias provenientes de ceitas protestantes.

A infeliz intervenção em desvirtude da integridade que se contempla nos préstimos de classe eclesial, onde valorosamente perfila o ilustre Sr. Romão Casals (eu), culmina com a condenação voluntária da menina Ana Ferreira que agora se encontra em uma situação delicada e de contornos irreversíveis.

Também o Sr. Rui Palmela começa a evidenciar alguns sinais de cariz herético e pouco convencional, não devo em benevolência conceder ao infiel a opção de retomar os atalhos do falso testemunho, sendo que, é na medíocre revelação dos livros apócrifos que a tendência enaltece a irrepreensível testemunha da insubordinação.

Depreendo em suas palavras um ténue conhecimento das bênçãos de Enoque que mais se assemelham com uma visita guiada ao cânon Sagrado, tendo os Santos anjos um desígnio imoral sem precedentes. Não existe limite para o descaramento na disseminada fantasia do autor, a ficção apresenta-se com relevos de insuportável negligência.

Um forte abraço e a possibilidade de redenção para ambos.

www.Inquisidor-mor.pt

Rui Palmela disse...

Certo, amigo Romão, já percebi tua incapacidade de argumentação sobre o assunto no qual te envolveste tentando ‘deitar abaixo’ aquilo que aqui trouxe para debate e agora não consegues sair dele de forma airosa e optas por outro tipo de diálogo evasivo encarnando uma figura de “Inquisidor-Mor” que vais alimentando e onde te sentes mais confortável para lidar com esta situação do Papa e o Extraterrestre que te causa ainda muita confusão. Mas muito mais haverá para saber sobre este e outros assuntos, amigo Romão, pois “nada há em oculto que não se venha a conhecer” e estamos vivendo um tempo de grandes revelações que agitarão as mentes de tantos fiéis condicionados ainda às próprias religiões.

Um abraço também para ti

RP

Um Ator Social disse...

Irmão de Caminhada Evoltutiva. Parábens pelo belo espaço para a dinamização da informação. Ignorantes que se recusam a entender que no céu durante o dia há tantas estrelas quanto à noite são dignos de nossa pena. Que a luz divina siga te iluminando para que possas ilumninar a vida daqueles que merecem teu respeito e teu carinho. Irmãos de caminhada céticos hoje que trabalham consciente ou inconscientemente contra a expansão da consciência coletiva... são bilhões nesse planeta ainda de expiação. Mas não desanimes... Tua Luz é muito mais poderosa que qualquer ignorancia evidente nas entrelinhas de palavras vazias de quem se recusa a ver o óbvio.

Rui Palmela disse...

Grato por tuas palavras encorajadoras, meu irmão na senda desta Caminhada Evolutiva. Te saudo fraternalmente.

Luz e Paz, sempre!

Anônimo disse...

Olá Rui e restantes intervenientes do blogue.

Obrigada pelo seu apoio e defesa, mas não preciso de Advogado. Não é soberba, é a simplicidade de quem aceita a verdade tal como é. Mas há quem não a aceite, por ser-lhe inconveniente, e por isso mesmo, arranja subterfúgios para se explicar e justificar.

O Inquisidor-Mor foi um título que lhe atribuíram, e que por seu turno ele consentido e nem parece ofender-se com isso. Como é que alguém de boa conduta pode aceitá-lo? É preocupante, e só justificável se for muito ignorante da História, ou se for um sádico convicto.

A Santa Inquisição existiu e condenou milhares de pessoas pelas razões mais injustificáveis. Foram crimes consentidos na sociedade daquela época, em que a moral estava no temor a Deus, através dos instrumentos legislativos, criados pelos seus mais directos representantes na terra - os poderosos da nobreza e do clero.

Muitas vítimas foram 'limpas do mapa' por conveniencia e não porque tivessem feito pacto com o Diabo. Além disso, o papel da Inquisição não foi só de julgar casos relacionados com heresia, porque quando o rei assim o desejasse, era também um ministério dentro da sua governação que actuava como tribunal para outros delitos. Era muito fácil mandar matar, pois quase sempre a condenação socorria-se no pretexto de traição ao Estado.

A sociedade evoluiu, houve ganhos e houve perdas, mas houve um salto qualitativo no que se refere aos direitos humanos e à sensibilidade de preservação das espécies que connosco partilham o planeta no sentido de equilíbrio e de integridade.

Recordem-se que o Santo Papa João Paulo II pediu perdão pelos erros do passado ocorridos no seio da Igreja Católica Apostólica Romana, que tantas vítimas fez em seu nome.

A verdade está aqui, mas muitos não aceitam e deturpam-na da mais variada forma, pois a verdade nem sempre corresponde ao desejo dos seus egos: tanto na Biblia como noutros textos sagrados, caso do Al Corão, onde não está escrito que se matem uns aos outros, mas sim, tolerem-se, compreendam-se, e amem-se uns aos outros.


Por isso, caro Inquisidor-Mor, eu sei da minha real posição, que em nada está fragilizada ou irreversivelmente condenada, porque falou e actuo em nome da Verdade (que é só uma, e vale-se por si mesma) - e nela reside a minha integridade.

Não perco tempo a tentar mudar as pessoas. As pessoas mudam se desejarem SER livres (pois é uma questão de ser e não de ter).

O conhecimento é uma via para atingi-lo - trata-se de um processo de expansão continua, que liberta o ser permanentemente em vez de o escravizar, pelo que muitos permanecem amarrados às teorias de suas vidas passadas.


Nesta dissertação conclui-se a diferença de uma consciência 'engarrafada' e de outra que trilha a sua liberdade por opção.

Cumprimentos,
Ana Ferreira

Romão Casals disse...

Estou a ser massacrado…

Para que todos os fiéis recebam os 7 dons do Espírito Santo e se encontrem na graça junto a Deus, vejo-me forçado a estabelecer o 8º sacramento.

O sacramento da Santa ignorância.

www.Inquisidor-mor.pt

Anônimo disse...

Aqui ninguém te está a massacrar, apenas a sensibilizar para que revejas a tua conduta.

Foste tu quem começou atirar pedras. Usaste do sarcástico para expressares o teu ponto de vista - que é legítimo tê-la - mas esqueceste, ou nem sequer tiveste em conta o tipo de blogue e as pessoas que o frequentam.

Quiseste escarnecer com a ironia da tua risada triste. Leste o que não esperavas, e agora manifestas fastio perante a discussão que tu próprio iniciaste... deturpando o artigo do Rui com uma linguagem obscena e nada própria.

Como escrevi anteriormente, eu não te quero mudar porque não sou capaz. Essa tarefa cabe a ti se considerares a melhor opção.

Tal como tu, que podes opinar sobre o que achas certo ou errado, Nós também temos determinação e razão ao manifestar a nossa opinião sem nunca passar disso mesmo. Ao fazê-lo, não é nosso objectivo desrespeitar os outros, nem atingi-los de alguma forma.

Consideramos a diversidade uma riqueza profícua quando há o equilíbrio entre as partes. Por isso, quer estejas neste blogue ou noutro qualquer, e se agires com essa arrogância, não é de admirar que te apontem e que te critiquem. Caso não tenhas entendido, a nossa missiva não se deve ao facto de teres a tua opinião mas o modo como queres mostrá-la, sem retórica eficiente, ao fim ao cabo, foste refugiar numa falsa moral de Doutor da Igreja, evidenciando que nada entenderes sobre o assunto.


Por mim esta discussão termina aqui.
Desejo longa vida ao Romão Casals, e que tenha progressos ao longo do futuro.

Cumprimentos,
Ana Ferreira e Amigos do Coração

Antonio Maria Claret Soares de Marialva disse...

Amigo e irmão Rui Palmela.
Farei um etílico comentário premilinar pois não tenho tempo de ler todos, inclusive do Casais,que me aterei depois.
Para mim, este foi o último Papa que a Santa Madre Igreja já teve e que todo o clero católico respeita e segue como a galinha segue seus pintinhos.
Evitou o holocausco mentiroso do judeu e não fôra tua acção o povo judeu teria sido trucidado pelas fôrças da "SS", isto eu sei e provo. Conseguiu manter a Sants Madre Igreja como Santa, abominando os Cardeais do "infeno".
Rui, meu Irmão.
Este Papa foi o último...
Disse ele,não sei realmente se dissi...

"Vim para enxugar as lágrimas que estão sendo derramadas...Sou o cobertor de vosso frio...
Mal algum sucederá a vós sem vossa permissão..
Rui, absolutamente todos os Presidentes e Generais beijaram tuas mãos....TODOS!

flay disse...

Uma palavra para o senhor Romão Casals = alienado

VAULDIR COSTA ANUNCIATO disse...

O VATICANO É UM APOSSAR DO IMPERIO DOS CESARES E DA CRENÇA DO MENINO MITRA PERSA...COMO ANTES CESAR O PRIMEIRO PERSEGUIU OS CELTAS OUTROS DEPOIS PERSEGUIRAM O QUE RESTARAM DOS HEBREUS.TROUXERAM PARA ROMA UM MOTIVO LÁ DE ISRAEL QUE DEPOIS SE TORNARIA UM CRISTIANISMO IMPROVAVEL...ATÉ HOJE.
JESUS É UM MENSAGEIRO JUDEU QUE AGIU NA ÉPOCA PARA AVISAR A TODOS OS POVOS DA TERRA QUE PODERIAM ENFIM ESSES SEJAM LÁ QUAL RAÇA OU CRENÇA A FAZER PARTE DA CRENÇA JUDAICA E ACEITAR O DEUS DE ISRAEL.
SE ISSO É SINGELO OU IMPOSSIVEL ESTE É O ORIGINAL PLANO E NO APOCALIPSE CRISTÃO LÁ ESTÁ A CIDADE DE 12 PORTAS COM NOMES DE TRIBOS JUDAICAS E APOSTOLOS DE JESUS.
O CATOLICISMO ROMANO É OBRA PERSA LATINA E DEPOIS GERMANICA.
BASTA VER QUE HOJE O IMPERIO INGLÊS ASSUME A PATERNIDADE DE ISRAEL...NATURAL AS TRIBOS DE ISAREL ESPALHARAM E ALI ENFIM NA GRÃBRATANHA EDEPOIS LÁ NO TIO SAM RESSURGIRAM COM NOME NOVO MAS O DNA É O MESMO.O DNA DA EUROPA CATOLICA ESTÁ LÁ NA PERSIA E NA MESOPOTAMIA.ISSO NÃO É HOSTILIDADE MAS É BOM SABER.DELETE O JUDAISMO E DELETAREMOS VATICANO, ISLÃ, PROTESTANTES, ANGLICANOS,HOJE MAIS DO QUE PODERES CULTURAIS, DEPENDENTES DE MOISES. QUERER INVENTAR UMA CRENÇA E TORNÁ-LA GLOBAL É UM DIREITO E COMO VEMOS CRENÇAS SE TORNARAM ESTADOS.
PERDE-SE TEMPO NOS LABIRINTOS DA SANTA SÉ HOJE.
SOBRE ALIENIGENAS É CLARO QUE EXISTEM POIS AS RELIGIÕES TODAS SÃO DE ORIGEM ALIENIGENAS OU DO ESPAÇO.
OS MEGALITICOS PRÉ-HISTORICOS FALAM DE UMA ÉPOCA PASSADA RECENTE DE SOCIEDADES MAIS AVANÇADAS DO QUE HOJE E FICA A EXPECTATIVA DE SEREM INTERCAMBIOS COM ALIENIGENAS.
AS ESCRITURAS ANTIGAS MOSTRAM CONTATOS COM ETS E UFOS É SÓ LER O CASO DE ELIAS.MOISES NO DESERTO.E PAULO EM DAMASCO?E CRER QUE A NASA É VERDADEIRA OU FALSA FICA DIFICIL PARA POVOS QUE NÃO SÃO LÁ DAS CUPULAS DO TIO SAM.
SE A NASA FALAR QUE EXISTE VIDA FORA DA TERRA OU FALAR QUE NÃO EXISTE, SEMPRE SERVIRÁ PARA OS DEBATEDORES DE TIMES DE FUTEBOL OU IDEOLOGISTAS DE ESQUERDA E DIREITA.
MELHOR É TER CONSCIENCIA CLARA E SE BASEAR NELA, EXISTEM INDICIOS CADA VEZ MAIORES SIM DE ALIENIGENAS IGUAIS, DIFERENTES, NÃO IMPORTA, O CASULO DE CADA UM EM SUAS DEFESAS DE COMPLEXOS DE INFERIORIDADE OU SUPERIORIDADE PODERIA SER MELHOR USADO PARA ABRIR ARQUIVOS SECRETOS QUE VÃO MUDARA FORMA DE VIDA EM SOCIEDADE...MAS O QUE AS PESSOAS QUEREM AINDA É DEBATER PORQUE JÁ
SE SABE QUE, DEBATES NUNCA EXPLICARAM NADA, SÓ FAZEM GASTAR AS ENERGIAS, E CANSADOS OS SEUS FALADORES SATISFEITOS VÃO DORMIR O SONO DOS INOCENTES, PARA NO AMANHÃ CONTINUAREM FAZENDO O JOGO DOS ARTICULADORES DE INOCENTES DEBATEDORES.

Anônimo disse...

Caro Romao voce pode ter escapado da Inquisicao,por nao viver naquela epoca , mas alegre-se pois o Criador Deus podera te enquadrar na Santa Inquisiçao Divina que esta por começar.Digo isso porque vi uma pessoa que deixou de viver dia 23-07, dia 27-07 essa pessoa apareceu a mim, com os braços abertos e falou comigo dizendo e apontando com a mao direita para o alto, e o bom pastor. Nas fotos do Opportunity da Nasa no sol 3410 veio a confirmaçao com a fisionomia do rosto da pessoa que vi,desenhada no solo, inclusive com um gesto que o destacou na sua fama ,o arremesso lateral. Caro Romao olhe em Hirise Image Catalog e anote quantos rostos humanos puder e vera tambem partes que compoem nosso corpo, como maos e pes e mais. Nao vale tremer. A mesma medida que usas para julgar sera usada contra ti. Isto serve para todos.

rodrigo maklen disse...

Santa igreja catolica ? Kkkkkkk milhares de padres transam com freiras e aborta os bebes... varios padres pedofilos.. a igreja matou milhoes na i nquisao.. na propria biblia fala sobr3 a igreja catolica que sao a apostasia... e ainda fala santa igreja kkkkkk

Anônimo disse...

A igreja católica sempre errou principalmente na época da aquisição, pedofilia,escândalo do banco Vaticano, apoio ao nazista fala sério só Jesus Cristo em espírito vivo que pode perdoar pecado e salvar o homem

Related Posts with Thumbnails